Viagem de ferry pelo Lago Komani, uma das mais belas travessias do mundo | Norte da Albânia

Lago Komani, Norte Albânia

É um dos melhores lugares do mundo! A melhor estrada do mundo! É uma das mais belas travessias do mundo!” Suspeitamos sempre de tamanhas classificações. Afinal, o mundo é imenso e repleto de tantos lugares especiais, que colocá-los numa pequena lista parece descabido. Por sua vez, durante a nossa viagem de mota pela Albânia, encontrámos alguns que merecem tal apreciação; e a travessia do Lago Komani é um deles.

Por irónico que pareça, no fim de a percorrer de ponta a ponta, é na experiência pelo Lago Komani que encontramos: um dos melhores lugares do mundo, uma das mais belas travessias do mundo, mas também a pior estrada do mundo. Pelo menos do nosso mundo. Mas passamos a explicar tudo em detalhe já de seguida.

Lago Komani, Norte Albânia
Lago Komani, Norte Albânia
Berisha Ferry, Travessia do Komani Lake
Berisha Ferry, Travessia do Komani Lake

Sobre a travessia de ferry do Lago Komani, Alpes Albaneses

Arrisco-me a dizer que a beleza deste país montanhoso permaneceu adormecida durante séculos, e só agora o seu apelo nos leva a querer percorrer todos os seus caminhos. Terrestres ou aquáticos! A Albânia é mesmo um fascinante país, e a travessia do Lago Komani será com certeza um postal turístico da nação num futuro próximo. Para já, resta-nos aproveitá-la no seu estado mais intocado e longe das multidões.

Durante a nossa viagem de mota pelo país, foi um dos lugares que mais nos marcou, e é sem dúvida um dos locais obrigatórios a visitar num roteiro pelos Balcãs.

A travessia de ferry é realizada por entre o coração montanhoso dos Alpes Albaneses pelas águas cristalinas do rio Drinn. Um cenário idílico digno de uma filme do Senhor dos Anéis, que nos fica gravado na memória como um dos mais belos lugares que tivemos oportunidade de contemplar.

Alpes Albaneses
Lago Komani
Alpes Albaneses
Alpes Albaneses, Lago Komani
Lago Komani
Lago Komani

A travessia é realizada diariamente entre os meses de Abril e Novembro, pelas águas do mágico rio Drin. Um ferry faz a ligação de veículos e passageiros entre as cidades de Koman e Fierze, no Norte da Albânia. A travessia pelo Lago Komani é sinónimo de mergulhar nas profundezas do rio, nos seus lugares mais inacessíveis e admirar em primeira mão a beleza natural intocada da Albânia. O percurso tem uma duração aproximada de 3,5 horas, e é operado pela empresa Berisha.

Lago Komani
Travessia do Lago Komani no Berisha Ferry
Travessia do Komani Lake no Berisha Ferry
Lago Komani

Horários das travessias do Lago Komani

O ferry pelo Lago Komani tem duas rotas diárias, uma pela manhã com partida em Koman para Fierze e outra à tarde com partida de Fierze para Koman. Ocasionalmente, nos meses mais movimentados de Verão, poderá haver rotas adicionais. Para informação actualizada consulte aqui o site da operadora.

  • 9:00 – Koman para Fierze (verificar informação actualizada em Berisha
  • 13:00 – Fierza para Koman (verificar informação actualizada em Berisha

Como comprar os bilhetes

Os bilhetes podem ser comprados no terminal, mas para garantir o lugar nos meses mais movimentados sugerimos que sejam reservados no site ou por telefone (Preço 37 Eur para 1 mota e 2 pessoas).

Na saída do ferry em Koman: não se assustem!

Estrada SH25 de Koman a Vau i Dejes: a pior estrada de sempre.

Não há registo fotográfico. Pois a chuva que caiu no final da nossa saída do ferry em Koman dificultou as evidências fotográficas. E, na verdade, naquele momento a nossa maior prioridade era sair daquele lugar com os 3 inteiros: eu, o João e a nossa amada mota. Ainda consegui captar com o telemóvel algumas etapas. Gravadas nos nossos destaques do nosso perfil do Instagram.

Se na nossa entrada no percurso em Fierze, as estradas e arredores estavam em belas condições para apreciar e circular, chegar a Koman fez-nos sentir que também fizemos uma viagem no tempo. Retrocedemos 50 anos. Um cenário inóspito, sujo, escondido pelo nevoeiro cerrado e pela chuva que teimou em cair.

A civilização mais próxima estava a cerca de 40 km e o nosso GPS dizia-nos que demoraríamos mais de uma hora e meia a percorrê-los. Na verdade, era uma previsão optimista porque demorámos muito mais!

Uma estrada estreita, repleta abatimentos e buracos agora preenchidos de água. Deixando-nos aquela expectativa adicional acerca da sua verdadeira profundidade. Não houve um centímetro em que a nossa mota não chocalhasse mais do que o suposto, deixando-nos com  aquela dor no coração por a sujeitar a tal sofrimento. Prometemos-lhe uma suspensão nova no regresso a casa, mas ela não se queixou em momento algum. Foi uma pista de obstáculos por todo o percurso.

A estrada SH25 foi ali eleita a pior estrada de sempre. O pior percurso que alguma vez percorremos na vida! Um misto de pavimento deteriorado com a falta dele. Viajar de mota pela Albânia é uma aventura diária! Desgastante e apaixonante ao mesmo tempo, com todos batimentos cardíacos a serem solicitados. Mas a travessia do Lago Komani valeu, mesmo assim, todos os contratempos.

A nossa experiência antes da travessia do Lago Komani

Vindos do Valbona National Park, a nossa travessia pelo Lago Komani foi realizada a partir do extremo este, na pequena povoação de Fierze, no interior do país.

Ainda não eram 11h da manhã quando chegávamos a Fierze. Mas o horário da próxima travessia seria só às 13h. Os nossos dias em viagem começam mal o sol nasce e, apesar da caminhada à beira do rio Valbona que fizéramos pela manhã, chegámos cedo demais.

Seguimos para a beira rio maravilhados por aquelas águas cristalinas. Era hora de encontrar o terminal de ferry onde o barco Berisha chegaria em breve. Assim nos informou o simpático proprietário do Bujtina Malaj, onde ficáramos hospedados em Valbona na noite anterior.

Foz do rio Valbona
Foz do rio Valbona

Avistamos um ferry na beira da estrada junto ao restaurante/café Bujtina Drini. Hesitamos por alguns momentos tentando compreender se é aquele o local que procuramos para comprar bilhetes. Mas em poucos minutos já temos junto a nós um jovem albanês que nos chama e diz que é ali que em poucas horas chegará o nosso ferry.

Berisha. here! Diz ele o nome do ferry que nos soa familiar. Prontifica-se a vender-nos um bilhete, improvisado num papel qualquer, e deixa-nos à vontade para esperarmos na sua esplanada.

Bujtina Drini em Fierze, o restaurante e alojamento de um vigarista albanês onde não devem parar

O tempo passa e começo a estranhar como é que ainda ninguém ali está para a travessia. Nem pessoas, nem carros, nem nada. Afinal, existem apenas 2 rotas diárias para tamanho percurso. O João aproveita para dormir uma sesta, e vai acordando atordoado quando lhe pergunto vezes demais:

– Não achas estranho não estar aqui ninguém? Passou uma hora desde que aqui chegámos.

As águas do rio agitam-se e o ecoar de um motor ouve-se ao longe. Em poucos momentos passa o Berisha ferry carregado de pessoas e carros, numa velocidade que nos diz que ele não vai ali parar.

– Aquele ferry não vem para aqui porquê? Pergunto eu ao albanês. – Não é aquele, virá outro em pouco tempo. Diz ele já irritado.

Mas não me convenceu. Eu estava com a pulga atrás da orelha. Na minha consulta dos horários online, não tinha visto que haveriam dois ferry’s no mesmo horário. Começava a ficar inquieta. Afinal, estávamos nos confins da Albânia e para sair dali, seriam precisas mais de 6 horas de viagem por estrada na montanha até ao cair da noite. Coisa que não me estava a apetecer repetir.

Bujtina Drini
Não parar aqui: Bujtina Drini

Um albanês a tentar aldrabar dois portugueses

– É normal não estar aqui ninguém? Voltava eu a dizer ao albanês, que já estava com cara de poucos amigos. Provavelmente a ver que a minha cara também não estava muito simpática. Pegou no telefone e ligou para alguém.

– Ferry problems? Quando ouvi ferry problems fiquei em modo demoníaco. E pedi-lhe o meu dinheiro imediatamente. Tinha-lhe pago 40Eur pela travessia. O João, que dormia uma soneca na esplanada, saltou da cadeira e percebeu de imediato o que se passava. Colocou tudo na mota em poucos momentos e preparou-se para o modo rápido de evacuação.

Depois desta nossa desagradável experiência, só podemos recomendar que não parem no mesmo lugar do que nós, mas que não deixem de experienciar a mágica travessia do Lago Komani.

No ferry Berisha
No ferry Berisha

Mapa da travessia do Komani Lake e acessos

Para consultar o mapa em detalhe, clique sobre ele ou utilize o canto superior direito para abrir directamente na página do Google Maps. Poderá fazer o zoom necessário para ver a rota em pormenor ou exportar para o GPS como preferir. Clicando no canto superior esquerdo, é também possível ler a legenda do mapa em detalhe. Pretende utilizar este mapa no seu aparelho de navegação e não sabe como o fazer? Consulte aqui o nosso artigo já publicado.

Se gostou deste artigo e souber de alguém que também possa gostar, partilhe clicando no botão das redes sociais abaixo. Estará a ajudar-nos a divulgar e a continuar a nossa existência. O nosso muito obrigado desde já e boas curvas!

🗺️ A preparar a próxima viagem de mota?

♦Reserve as suas estadias através do Booking.com. Por lá encontramos sempre as melhores promoções e têm a facilidade de cancelamento gratuito.

♦Pagamentos no estrangeiro sem taxas e comissões? É fazer um cartão recarregável como o nosso! Abre grátis uma conta moey, por videochamada ou Chave Móvel Digital. Utiliza o nosso código e ganha 10 €. Começa logo a usar, sem custos e com cartão virtual e físico gratuito enviado para a morada de registo. Acede ao link aqui e associa o teu número antes de abrires conta.

♦Gostamos de viajar tranquilos. Como tal, em todas as nossas viagens além fronteiras, contratamos sempre um seguro de viagem que se enquadre no nosso perfil de viajantes aventureiros e independentes. Através da IATI encontrará boas opções para motociclistas. A IATI têm excelentes preços, atendimento em português e seguindo o nosso link ainda terá um desconto de 5%.

♦ Gostaria de fazer um dos nossos roteiros mas não tem mota? Ou prefere optar por alugar uma por uns dias? Utilize os serviços da Motorentour e encontrará uma frota de várias motas prontas para seguir uma aventura e uma equipa profissional  para dar solução às suas necessidades.

♦Sejam pequenas ou grandes travessias, se precisa de comprar uma viagem de ferry para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o DirectFerries.pt. Permite comparar os preços e horários das diferentes companhias e é por lá que encontramos os melhores preços.

♦Para alugar carro ou mota em qualquer destino, sugerimos o site de reservas Discover Cars. Uma plataforma que apresenta todas as opções e empresas disponíveis e tem facilidade e flexibilidade nas reservas.

Esta página contém links afiliados. Ao efectuar as suas reservas através destes links recebemos com uma pequena comissão. Não pagará mais por isso e estará a ajudar o blogue Quilómetro Infinito a continuar a sua existência. Muito obrigado!

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

EnglishPortuguese
Quilómetro Infinito
%d bloggers like this: